SEJAM BEM-VINDOS !

BENDITO O QUE VEM EM NOME DO SENHOR !

quinta-feira, 11 de maio de 2017

QUE A SOBERBA NÃO NOS DOMINE

As vezes me perco em meus pensamentos, tentando compreender até onde pode chegar a arrogância e a soberba do ser humano!
Digo isso em consequência das diversas vezes que sou surpreendido ao ver algumas pessoas rebatendo pensamentos de grandes nomes da teologia, que tenho o costume de postar em minhas redes sociais.
Claro que, em momento algum estou afirmando que esses teólogos são pessoas superiores a nós. Mas se tomarmos como base o legado que esses homens deixaram, cabe a nós ao menos, o mínimo de respeito por suas obras e por terem sido instrumentos usados por Deus para impactarem o mundo com a pregação do evangelho de Cristo Jesus!
Eu gosto muito da obra de Spurgeon, João Calvino, Martinho Lutero, Agostinho de Hipona, Tomás de Aquino e tantos outros nomes de peso no campo da teologia. Com certeza não se trata de super crentes ou super homens, mas indiscutivelmente, esses homens são conhecidos por todos os cantos do mundo onde o evangelho de Cristo alcançou. E isso é algo que devemos sim, levar em consideração e respeitar, uma vez que as nossas vozes, muitas vezes não alcançam nem mesmo aqueles que moram na mesma rua em que moramos!
Esse é o "X" da questão!
O que eu tenho feito, qual é o legado que tenho construído, o que tenho feito realmente de bom e de significante para que eu possa me sentir no direito de rebater ou desmerecer algo que foi dito por esses homens?
Mesmo com a Bíblia em mãos, será que eu tenho um conhecimento tão profundo sobre determinado assunto, a ponto de me levantar contra algo que esses homens escreveram?
Ter opinião é algo muito positivo, mas no que tange a teologia, a nossa opinião não vale nada. O que realmente tem valor é aquilo que a Bíblia afirma e não aquilo que supomos!
Eu tenho visto Armínio, Calvino e até mesmo Lutero sendo massacrados por muitos "pseudo-teólogos de internet", como se esses "pseudo-teólogos de internet" possuíssem o domínio das obras de Armínio, Calvino e Lutero.
Para criticar Calvino não basta conhecer os cinco pontos do calvinismo. É necessário conhecer a sua obra!
Para criticar Armínio não basta conhecer os cinco pontos do arminianismo. É necessário conhecer a sua obra!
O que eu tenho visto na internet, principalmente no que se refere a Armínio e Calvino, se configura em uma verdadeira vergonha para o Cristianismo: Cristãos de confrontando, se ofendendo, se massacrando como se fossem verdadeiros animais selvagens!
Atitude lamentável e vergonhosa!
Peço perdão aos animais selvagens por essa comparação!
Temos muito mesmo a aprender. A começar pelo fato de que o conhecimento nos leva a sermos melhores como pessoas, e não seres superiores!
Incentivo de coração a que todos busquem conhecimento sim, mas que antes de tudo, peçam a Deus para que a soberba nunca invada os corações de vocês!

(Daniel Gmmi A. de Souza)

Postar um comentário