SEJAM BEM-VINDOS !

BENDITO O QUE VEM EM NOME DO SENHOR !

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

QUEM DISSE QUE SERIA FÁCIL?

Quando abrimos nossas Bíblias no Livro de João, capítulo 16, versículo 33, encontramos as seguintes palavras de Jesus: "Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo".
Apesar de ser muito conhecido, parece que muitas pessoas recitam esse versículo inúmeras vezes meio que da boca pra fora, sem ao menos prestar atenção em tudo o que ele diz, talvez por descaso, talvez por falta de interesse ou até mesmo para fugir do confronto com a verdade nele contida.
"Para que em mim tenhais paz": Opa! Isso muito me interessa!
"Eu venci o mundo": Opa! Opa! Isso me interessa demais mesmo!
Mas a parte do versículo que diz "no mundo tereis aflições" parece que algumas pessoas riscam com uma caneta preta, para nunca mais ter que ler isso: "Talvez se essa parte cair no esquecimento, eu consiga viver iludido, achando que nada de ruim pode me alcançar nessa vida". 
É assim mesmo que algumas pessoas encaram esse versículo e tantos outros; acreditam apenas naquilo que convém acreditar, e lançam fora aquilo que confronta o seu egos e as suas "crendices".
"Para que em mim tenhais paz": É uma grande verdade!
"Eu venci o mundo": Maravilhosa verdade!
"No mundo tereis aflições": Indiscutível e inegável verdade!
Todos nós, independentemente da idade, do tempo de conversão e da função que exerce no Corpo, estamos sujeitos a enfrentarmos períodos de aflições em nossas vidas, as vezes períodos curtos, as vezes períodos longos, mas sempre tendo o apoio do Espírito Santo.
E ao contrário do que muitos pensam, o período de aflição não se deve ao fato da pessoa estar vivendo em pecado, como muitos tem o costume de apontar, quando algo de ruim acontece a algum irmão. Afirmo isso, tomando como base o que aconteceu com Paulo e Silas, que não estavam em pecado; eles estavam trabalhando para Jesus, e mesmo assim passaram por aflições tomando várias chibatadas, foram presos e tiveram os seus pés acorrentados. 
Será que eles estavam em pecado e tudo isso foi uma consequência desse pecado? 
Não! 
Tudo isso aconteceu a Paulo e Silas única e exclusivamente porque no mundo todos nós, sem exceções, passamos por aflições. 
A grande diferença é que Paulo e Silas, mesmo em aflição, permaneceram firmes e constantes na presença de Deus, orando e cantando louvores, ao invés de se fazerem de vítimas do abandono ou descaso de Deus. 
E você, como encara as aflições?
Você prefere fingir que é um super crente e que nada de mal pode acontecer a você, ou encara a realidade de que você, assim como todos, enfrenta problemas, algumas vezes simples, outras vezes sérios e até mesmo graves?
Peço a Deus que ele possa desconstruir tudo aquilo que foi mal construído em nossas mentes e corações e que nos ensine a levarmos a sua Palavra a sério, não apenas quando se trata de promessas e bençãos, mas também quando a chapa esquenta para o nosso lado.

(Seminarista Daniel Gummi A. de Souza)

    Postar um comentário