SEJAM BEM-VINDOS !

BENDITO O QUE VEM EM NOME DO SENHOR !

sábado, 15 de setembro de 2012

Estilo de vida ou estilo musical?

Existe um grande equívoco em nossos dias, no que diz respeito a adoração. O que deveria ser um estilo de vida, está sendo classificado como estilo musical e isso é algo muito preocupante, pois as pessoas diminuíram significativamente o significado da palavra adoração. Amigos e irmãos queridos, por favor, não me interpretem mal, mas não existe estilo musical chamado "Adoração". Neemias era um adorador, bem como Daniel, o rei Davi, o Apostolo Paulo, Apostolo Pedro e por ai vai. Quem tem uma vida de comunhão com Deus, isso quer dizer, quem tem uma vida de intimidade com Deus e o coloca como prioridade em sua vida, é um adorador, independentemente de saber cantar ou tocar um instrumento musical. O estilo musical "Adoração" não existe; o que existe é o samba , o rock, o sertanejo, pagode, baião, forró. heavy metal, etc, etc e etc. São inúmeros os estilos musicais que podemos usar para adorarmos ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. É muito comum as pessoas dizerem que o estilo musical que eles mais gostam de ouvir é o "Gospel" ou "Adoração", e essa resposta não explica praticamente nada. Bem, para aumentar a polêmica em torno desse assunto, eu afirmo que o Fernandinho, que é um dos adoradores mais conhecidos de hoje em dia é um adorador Roqueiro. Quem tem um mínimo de conhecimento musical sabe que o estilo musical mais abordado por ele e por tantos outros adoradores de hoje é o rock. Mas as pessoas, que ainda vivem abitoladas em um mar de preconceitos, não aceitam isso de maneira nenhuma. Basta ouvirmos músicas como "Há um Rio", "Dançar na chuva", "Se não for pra te adorar" e muitas outras para sabermos que o estilo mais usado por ele é o Rock. E quem foi que disse que não se pode adorar a Deus usando-se o Rock e o Heavy Metal? É claro que podemos, desde que o coração dos que executam as músicas, sejam corações voltados para Deus. E o mais engraçado de tudo é que as pessoas que descriminam o rock, o heavy e tantos outros estilos musicais ótimos, aceitam de braços abertos o Forró, que é usado em hinos de "Fogo", que para mim e para quem gosta da boa música, é um dos estilos musicais mais cafonas e obscenos que existe, não pelo estilo musical em si, mas pela maneira que os ímpios usam esse estilo, com letras e danças que beiram a pornografia.  Por favor irmãos, vamos orar para que Deus nos dê maturidade, para que possamos nos alimentar com comidas sólidas e deixarmos o leite definitivamente de lado. Amém!

(Daniel Gummi A. de Souza)
Postar um comentário